Balanço da campanha eleitoral: Cinco mortos, 26 detidos e 20 feridos

0
216
A Polícia faz um balanço positivo da campanha

Maputo (Canalmoz) – Cinco pessoas morreram durante a campanha eleitoral em todo o país. A informação foi divulgada ontem em Maputo, pelo porta-voz da Polícia, no Comando-geral, Inácio Dina, durante um encontro de balanço dos treze dias da campanha eleitoral.

Entre as mortes, algumas foram por acidente de viação, envolvendo participantes em caravanas de alguns partidos políticos. Uma das mortes foi causada por electrocução. A vítima estava a colar um panfleto num poste de energia eléctrica. Ainda ao longo da campanha, foram detidas 26 pessoas e há registo de 20 feridos, uns graves e outros ligeiros. A Polícia faz um balanço positivo da campanha.

“Registámos 28 ocorrências, das quias 14 ilícitos eleitorais, oito ofensas corporais, três acidentes de viação, dois casos de danos em viaturas e um caso de electrocução”, disse Inácio Dina.

Mesmo sem referir dados concretos, Inácio Dina disse que Tete, Zambézia e Gaza são as províncias com mais ocorrências, devido à “intolerância política entre os simpatizantes.”

“Fazemos uma avaliação positiva, pese embora tenhamos registado incidentes localizados. A Polícia esteve a garantir a ordem nas cinquenta e três autarquias, e os incidentes localizados não mancharam o processo”, disse Inácio Dina. (André Mulungo)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here