Oposição abstém-se de aprovar orçamento da Assembleia da República

0
83

 

A Renamo e o MDM dizem que o orçamento é exíguo para o funcionamento da Assembleia da República e acusam o Governo de querer condicionar as actividades dos deputados individualmente e das Comissões de Trabalho.

 A Assembleia da República aprovou ontem, quinta-feira, o seu orçamento para o próximo ano. A proposta foi aprovada com os votos da Frelimo. A Renamo e o Movimento Democrático de Moçambique abstiveram-se, alegando que o Governo dá pouco dinheiro à Assembleia da República como parte de um plano para condicionar as actividades dos deputados, principalmente a fiscalização da acção governativa. Uma vez que o orçamento da Assembleia da República é atribuído pelo Ministério da Economia e Finanças, a oposição diz que o Governo pretende ter o deputado como seu subordinado. O orçamento que a oposição se absteve de votar inclui 169.789.643,02 milhões de meticais de salários.

Ler mais na versão PDF do Diário CanalMoz, mediante subscrição.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here