Oposição abstém-se de aprovar orçamento da Assembleia da República

0
198

 

A Renamo e o MDM dizem que o orçamento é exíguo para o funcionamento da Assembleia da República e acusam o Governo de querer condicionar as actividades dos deputados individualmente e das Comissões de Trabalho.

 A Assembleia da República aprovou ontem, quinta-feira, o seu orçamento para o próximo ano. A proposta foi aprovada com os votos da Frelimo. A Renamo e o Movimento Democrático de Moçambique abstiveram-se, alegando que o Governo dá pouco dinheiro à Assembleia da República como parte de um plano para condicionar as actividades dos deputados, principalmente a fiscalização da acção governativa. Uma vez que o orçamento da Assembleia da República é atribuído pelo Ministério da Economia e Finanças, a oposição diz que o Governo pretende ter o deputado como seu subordinado. O orçamento que a oposição se absteve de votar inclui 169.789.643,02 milhões de meticais de salários.

Ler mais na versão PDF do Diário CanalMoz, mediante subscrição.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

16 − 4 =