Governo promete mão dura contra a venda ilegal do livro escolar

0
556

Maputo  (Canalmoz) – O Ministério da Educação e Desenvolvimento Humano disse, na quinta-feira, que a venda ilegal do livro de distribuição gratuita não vai ser tolerada pelo Governo moçambicano.

Conceita Sortane, ministra da Educação e Desenvolvimento Humano, disse que, no ano passado, o sector teve que criar mecanismos para carimbar o livro, porque as escolas privadas não tinham tido livros. “Entretanto, tem havido um caso e outro, situações de má-fé, em que fazem a venda do livro. Há procedimentos legais, como, por exemplo, processar”, disse.

Ler mais na versão PDF do Diário CanalMoz, mediante subscrição.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

três × 2 =