Frelimo ignorou a lei e aprovou candidaturas de Júlio Parruque e Francisca Domingas

0
588

Maputo (Canalmoz) – Os representantes do partido Frelimo na Comissão Nacional de Eleições rejeitaram as reclamações da Renamo sobre a inelegibilidade de quatro cabeças-de-lista da Frelimo, os candidatos ao cargo de governador nas províncias de Maputo (Júlio Parruque), Manica (Francisca Domingas), Nampula (Manuel Rodrigues) e Niassa (Judite Massangela), alegando que os mesmos se recensearam e residem em local diverso daquele no qual pretendem concorrer. Não foi a lei que vingou, mas a ditadura do voto.

Ler mais na versão PDF, mediante subscrição.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

quatro × quatro =