Burocracia emperra repatriamento das vítimas da xenofobia na África do Sul

0
71

Maputo (Canalmoz)  As autoridades governamentais moçambicanas dizem que ainda não concluíram o processo de criação de condições para o repatriamento de centenas de cidadãos moçambicanos vítimas dos ataques xenófobos que, desde o mês passado, assolam a África do Sul.

Ler mais na versão PDF, mediante subscrição.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

1 × 4 =