Director da “Barloworld” trabalhava em Moçambique com documento falsos

0
208

Maputo (Canalmoz) – O director-geral da Barworld Equipamentos (uma empresa de venda de equipamento pesado), de nome Mark Gavin Meyer Kruger, foi suspenso pelo Ministério do Trabalho e deverá responder a um processo-crime por porte de documentos falsos, entre os quais o Bilhete de Identidade e a autorização de trabalho.

Ler mais na versão PDF, mediante subscrição.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

18 + um =