Enchimento de urnas, falsificação de cadernos e impedimento de fiscalização dão vantagem parcial à Frelimo na Zambézia

0
555

Zambézia (Canalmoz) Graças ao enchimento de urnas,falsificação de cadernos eleitorais (não fazendo constar nomes de membros da oposição nos cadernos) e impedimento de acompanhamento do processo, através do uso da força policial contra os delegados de candidatura dos partidos políticos da oposição, a Frelimo está à frente na contagem de votos das eleiçõeslegislativas e presidenciais, mas está atrás nas eleições provinciais.

Ler mais na versão PDF, mediante subscrição.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

quatro × cinco =