Açambarcamento de cimento: INAE apreende 1025 sacos no mercado informal

0
288

Maputo (Canalmoz) – O porta-voz da Inspecção Nacional das Actividades, Tomás Timba, disse, na terçafeira, 18 de Agosto, que a produção, no país, ainda continua deficitária, devido à insuficiência de matériaprima proveniente do estrangeiro, associada à avaria de algumas moageiras que se dedicam ao fabrico do produto.

Ler mais na versão PDF, mediante subscrição. 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

10 + 2 =