Na Matola: Polícia assassinou jovem de 24 anos por alegadamente violar decreto do estado de emergência

0
280

Maputo (Canalmoz) – Jaime Armindo Melo, de 24 anos de idade, natural de Mocuba, província da Zambézia, foi assassinado, no passado dia 26 de Julho, por um agente da Polícia afecto à 2ª Esquadra da PRM, na cidade da Matola, província de Maputo, supostamente por ter violado as regras doestado de emergência.

Ler mais na versão PDF, mediante subscrição. 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

2 + 2 =