Deputados estão a enriquecer sem justa causa à custa do empobrecimento do povo que dizem representar

0
165

Maputo (Canalmoz) – Um Relatório sobre Direitos Humanos e Defensores dos Direitos Humanos, referente ao primeiro semestre de 2020, da autoria do Centro para Democracia e Desenvolvimento, diz que os cidadãos, em Moçambique, são vítimas de um serviço público precário, sobretudo no que diz respeito ao acesso a transporte público, água e energia eléctrica.

Ler mais na versão PDF, mediante subscrição.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

quinze − dez =