Mariano Nhongo volta a atacar e diz que as Forças de Defesa e Segurança estão a perseguir a sua família

1
450

Beira (Canalmoz) – O chefe da autoproclamada Junta Militar da Renamo, Mariano Nhongo, disse, ontem, quinta-feira, 17 de Setembro, que a sua família está a ser caçada pelas Forças de Defesa e Segurança. Falando a jornalistas ao telefone, disse que o seu filho mais velho foi perseguido, na quarta-feira, por efectivos da Unidade de Intervenção Rápida, que dispararam cinco tiros, na aldeia de Chiadeia, no distrito de Nhamatanda, província de Sofala, mas escapou ileso, e ficaram com a sua motorizada. Mariano Nhongo ameaça retaliar e fala em paralisar o distrito de Nhamatanda.


Ler
 mais na versão PDF, mediante subscrição.

1 COMMENT

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

9 + 1 =