Empresários da Beira paralisam em protesto contra a extorsão e cumplicidade do Estado nos crimes de raptos

0
277

Beira (Canalmoz) – Um grande grupo de empresários da cidade da Beira, província de Sofala, anunciaram ontem, quinta-feira, 22 de Outubro, a paralisação das suas actividades comerciais durante três dias, em protesto contra a onda deraptos naquela província. O grupo de empresários criou um movimento denominado “movimento empresarial anti-raptos”, cujo objectivo é pressionar o Governo para esclarecer ou controlar a onda de raptos de empresários e seus familiares na cidade da Beira e em Maputo.


Ler mais na versão PDF, mediante subscrição

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

dois × 5 =