FMO diz que uma eventual extradição de Manuel Chang para Moçambique pode significar o fim do processo das dívidas ocultas

0
315

Maputo (Canalmoz) Adriano Nuvunga, coordenador do Fórum de Monitoria do Orçamento, uma concreção de organizações não-governamentais, disse, na sexta-feira, 19 de Março, durante uma conferência online denominada “Legal update: global status of the hiden debt scandal”, organizada pelo FMO, que, se o caso das dívidas ocultas só teve os desenvolvimentos que hoje se verificam, concretamente as detenções dos envolvidos noescândalo em Moçambique, foi graças à detenção de Manuel Chang em 12 de Dezembro de 2018, porque, sem esta detenção, o assunto já tinha sido esquecido em Moçambique.

Ler mais na versão PDF, mediante subscrição.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

2 + doze =