Falta de transparência na atribuição do subsídio de diuturnidade agita Magistratura Judicial

0
163

Maputo (Canalmoz) Um grupo de oficiais de Justiça e assistentes de Justiça da Magistratura Judicial está a denunciar aquilo a que chama falta de clareza na atribuição do subsídio de diuturnidade. Diz que quase todos ou todos os oficiais de Justiça e assistentes de Justiça do Ministério Público e do Conselho Constitucional estão a beneficiar do subsídio, mas, na Magistratura Judicial, apenas algumas pessoas beneficiam deste direito.


Ler mais na versão PDF, mediante subscrição.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

dez − 1 =