Instruendos forçados a trabalhar nas residências dos instrutores

0
265

Maputo (Canalmoz) – Instruendos da Escola Prática Penitenciária de Lhembe, no distrito da Moamba, na província de Maputo, dizem que estão a ser submetidos a trabalhos pesados e estranhos à formação de agentes penitenciários. Segundo os queixosos, no quartel estão a decorrer obras de reabilitação de residências de instrutores, bloco administrativo e reboco de alguns apartamentos, e os instruendos são obrigados a trabalhar nestas obras como serventes. Além disso, dizem que um outro grupo está a desbravar matas do quartel.


Ler mais na versão PDF, mediante subscrição.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

quatro + oito =