“Manipulou de forma fraudulenta a taxa de câmbio e implementou uma rede de pagamentos ilegal sediada fora do país”

0
135

Maputo (Canalmoz) – O Banco de Moçambique diz que, na sequência da inspecção onsite realizada ao Standard Bank, foram instaurados processos de contravenção contra aquela instituição bancária e dois dos seus gestores,nomeadamente, Adimohanmo Chukwuma Nwokocha, administrador-delegado, e Carlos Domingos Francisco Madeira, director da Banca Corporativa e de Investimentos,por infracções graves de natureza prudencial e cambial, tendo sido aplicadas pesadas medidas sancionatórias.


Ler mais na versão PDF, mediante subscrição.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

11 − 6 =