Exército sul-africano sofreu cortes no orçamento e está com dificuldades para enviar militares a Moçambique

0
171

Maputo (Canalmoz) – A África do Sul, que é o principal defensor, na Comunidade de Desenvolvimento da África Austral, da intervenção militar para o combate contra o terrorismo em Moçambique, reviu em baixa o orçamento do Exército e está a ter dificuldades em angariar fundos para financiar as despesas com os cerca de 1.500 homens que se propôs enviar para Moçambique.

Ler mais na versão PDF, mediante subscrição.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

7 + treze =