Imundície e poluição sonora deixam os inquilinos irritados com o Conselho Autárquico

0
88

Maputo (Canalmoz)Os inquilinos do prédio “LAM”, localizado no Bairro Cimento, na cidade de Pemba, na província de Cabo Delgado, dizem que estão irritados com o Conselho Autárquico de Pemba, que gere o imóvel. Segundo uma denúncia da Comissão de Moradores, enviada ao “Canalmoz”, o imóvel está a degradar-se, e o Conselho Autárquico não faz nada para reabilitá-lo. A Comissão de Moradores denuncia também imundície e poluição sonora praticada por alguns moradores. Há, no prédio, um residente que se dedica ao abate e venda de carne suína, num dos apartamentos, contribuindo, desta forma, para a criação de fissuras em algumas paredes e consequente degradação do edifício.

Ler mais na versão PDF, mediante subscrição.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

12 + dois =