Raufo Irá sugere que MAM não produziu lucros porque foi sabotada

0
174

Maputo (Canalmoz) Raufo Ismael Irá, ex-director-geral da Gestão de Investimentos, Participações e Serviços(GIPS, Lda.), disse ontem, quinta-feira, 4 de Novembro, que não se recorda de quando é que ouviu falar da constituição da MAM. Disse que, na sua qualidade de representante da GIPS, não efectuou nenhum trabalho para concluir se o projecto da MAM era viável ou não. Também não participou na elaboração do estudo de viabilidade da MAM. Disse que a MAM enfrentou dificuldades devido àfalta de disponibilização de espaço junto ao porto de Pemba, onde se devia construir um estaleiro de raiz,segundo o contrato. Lembre-se que António Carlos do Rosário se tinha referido a este facto durante a sua audição. Na altura, António Carlos do Rosário falou em sabotagem por parte de algumas pessoas do Governo.

Ler mais na versão PDF, mediante subscrição.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

oito + três =