Quase ninguém voltou na Frelimo na Beira. Mas o STAE e o Conselho Constitucional atribuíram catorze assentos ao partido Frelimo na Assembleia Municipal com base em 73.000 votos falsos.