Entre as vítimas há três crianças. Fontes do “Canalmoz” dizem que, no meio da Polícia, havia militares que trajavam uniforme da Polícia.